domingo, 1 de abril de 2012

Festinha do Dante - parte II

Quando se pensa em uma festa, por mais modesta que ela seja, o segredo está nos detalhes. Assim que definimos o tema, fiquei com o bicho-carpinteiro na ativa. Elaborei muitas coisas, mas devido ao tempo curto, só pude executar uma parte das minhas ideias mirabolantes.

As cores da festa foram preta, vermelha e branca, remetendo à Formula 1. Mas... por um ruído de comunicação, a dona do buffet trouxe toalhas verde-escuras. Chiei, mas acho que no final das contas acabou ornando.

Contratei apenas a mesa decorada que vinha acompanhada de um arco de bolas e depois de tudo montado, achei o salão de festas vazio, pobre.

Então, eu e titia Jana brincamos de "supergêmeos ativar" e improvisamos uma decoração com alguns elementos que tínhamos em casa.

Caçamos uns carrinhos de Teco no quartinho dele e enchemos de beijocas e outras guloseimas.

Enchemos bolas vermelhas e mesclamos aos docinhos que ficaram em bandejinhas viradas.
Os cachepôs serviram de lembrancinha para os convidados. Colei adesivos de carrinhos e o número dois, da idade de Teco.

E eis o bolo delicioso que o Edu fez. Coloquei uma vela no formato de carro.


Acho que a festa ainda rende um terceiro post porque ainda rolou um churrasquinho no dia seguinte para minhas visitas. Aguardem.

Beijolas, minha gente. Inté.

4 comentários:

  1. Festinha supimpa! Churrasco muito bom, mesmo! Deixou saudade. Beijos! Tia Idi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos repetir a dose neste final de semana. Beijas.

      Excluir
  2. Dureza mesmo foi lembrar das delicias durante a semana... Rs (Richelle).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fale, Richelle. vamos repetir a dose. Beija. Ah, que o coelhinho da Páscoa lhe traga boas surpresas..rs

      Excluir